sábado, 20 de fevereiro de 2010

Talvez

O post que eu ia fazer era um e agora mudou totalmente. É que o mundo fica girando girando e você se sente mal por estar aqui, inútil. Talvez eu não seja inútil, mas talvez ninguém me enxergue como útil. O então eu vire aquele degrau, que as pessoas precisam pra subir, mas quando sobem pulam pra outro como se fosse um galho. E aí ? Continuo aqui, vou servir pra elevar o nível das pessoas, mas alguém percebe que estão pisando no que usam pra subir ?
As palavras que saem da sua boca só serve para o momento que ti convêm. O único momento que me convêm elas desapareceram. Cadê o "pra sempre", "pode contar comigo"? O pode contar comigo vira posso contar contigo.. E assim vai indo.
Eu sei que a realidade em que estou foi criada por mim mesma. Talvez eu mesma me faça descartável, e esta aqui se põe de única serventia; ajudar. Porque quem ajuda não pede socorro.
Pessoas fortes tendem a ficar só, pois quando caem, caem as escondidas. Afinal quem acreditas que os fortes também caem?
Pior são aqueles que fazem fofoca dos outros e se igualam a cada ato.
Nem eu e nem ninguém nasceu pra ser perfeito, e nem pra alçar a perfeição. Se este virar o objetivo, será utópico. O nosso verdadeiro objetivo se chama a felicidade, e não é a perfeição que leva a felicidade; são os erros. É o perdão, é não fazer de novo; é olhar pra trás e ver o aprendizado que só obteve porque errou. Eu quero isso pra mim, mas acima de tudo quero ter com quer compartilhar isto. Companhia não é companheiro(a)...

Já tive várias companhias, quando o que eu procurava eram os companheiros..

15 comentários:

Desabafando disse...

Não deixe que te usem como degrau. Ajude quem seu coração mandar, mas não deixe que abusem disso.

Ana Paula disse...

Ajudar faz bem, mas deixar que te usem como degrau, ai já é sacanagem, ninguém gosta. Cometer erros na vida é fundamental para o nosso crescimento psicológico, quem nunca errou um dia sequer na vida?

Ronaldo disse...

Olha, já fiz muito esse papel de suporte até eu não suportar mais.

Mudei, me valorizei, e hoje os bons e sinceros é que estão comigo, e isso que importa

bom domingo

bjssssssssssss

Joy disse...

Eu amei seu texto mas não tenho o que dizer.
Tratando-se de uma realidade inventada por você mesma, não me sinto no direito de botar o bedelho e opinar sobre suas escolhas.


beijos

Juliana Mendes disse...

*kkkkkkkkkkkkkk
Que drama...
vc usa saltos todo o dia? Turante todo o dia..? Salta machuca** quando são novos... dps que vc amacia é só alegria *.*[...]
(auto flagelação fantasiada de vontade de viver?) kkkkkkkkkkk
Nao velho, é só uma forma de dar alivio a mente, quando tudo é conturbado demais, assim que os seus pés mergulham na água o alivio eh enorme porém momentaneo..
por isso é p fazer só algumas vezeees... HIUhauiHAUIa Nada de flagelação, c levou muito a sério!*

COMENTÁRIO**

DRAMÁTICAAAAAAAA...
Não acredito que erros sejam lá boa coisa, muito menos essa balela de aprender com os erros, se vc estivesse certa aprenderia da msm forma o jeito certo de fazer e pq n aprender acertando?
POUPE-ME, nós erramos pq queremos errar, nós gostamos do amigo do nosso namorado pq QUEREMOS gostar, nós gostamos dos namorados das nossas amigas pq queremos pegar..
sem essa desculpa de n mandamos no coração.. Como diria lacraia, - FOFA vc manda no coração!!!
E essa de escada p subir, por favor... vc n acha que com 18 é muito cedo p ser escada p subir?
Viva a vida!
Companheiro? Já quer casar? Acredita em homem perfeito?


=DD

Poeta de um mundo caduco... disse...

Chega um momento em que a gente se cansa... Dar sem receber, desgasta. Parece indiferença ou conveniência...

O amor precisa ser uma via de duas mãos ora um pede perdão, ora o outro se arrepende... um oferece os ombros, o outro cede o colo...

O amor é um constante aprendizado...e para que ele perdure é preciso envolvimento de ambas as partes.

Beijinhos.

Valdeir Almeida disse...

Consigo entender você.

Já servi muito como calço e também como degrau. Agora, lá de cima, nem olha para aqui, onde estou.

Mas são lições que aprendemos. Não é fácil identificar um aproveitador, mas é sempre bom manter o alarme ligado.

Beijos e boa semana pra você.

Helinha disse...

Querida...

As pessoas nos fazem aquilo que permitimos a elas que façam...

Permita-se apenas ser feliz...

Beijos com carinho!!

Wilian Bincoleto Wenzel disse...

Luna...

São os que nós menos imaginamos que podem nos frustar, nos usar. É assim que nós seres humanos somos...

Quando você percebe que está sendo usada é a hora de se movimentar... Não para tirar o apoio na hora exata para que a pessoa que te usava cair, mas é para que não sofra mais.

De graças à Deus por ter passado por isso, assim você pôde aprender! ( =

Há tempos não vinha aqui... Agora estou voltando a ativa!

Déia disse...

É bom ajudar, mas tb é bom sabermos pedir ajuda! Sofrer e segurar tudo sozinho torna tudo muito pesado.
É bom ter um ombro ao nosso lado, uma mão, alguem com uma boa palavra!

Não ultrapasse seus limites!

bj

Leandro Lima disse...

Qual seu formspring?

Aline V. disse...

Falou e disse!!! Errar faz parte do aprendizado!! =]

PS: Lá no meu blog é uma música sim =]

Beijinhos

Max Psycho disse...

o importante é saber diferenciar quem é companhieor ou não, neste mundo ta cheio de lobos na pele de cordeiro, achei muito bom seu texto baby, valeu pela visita e ja to te seguindo

Lííh disse...

Por que eu me sinto exatamente assim?

Se o "se" não tivesse ficado só no "se" disse...

Meu, adorei esse post, que profundo...ai que delicia seria uma sesssao de terapia com pessoas profundas como vc...ai meus pacientes tem problemas tão simples, tão básicos...ah que chato.