segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Receita pra ser feliz !

Hoje resolvi fazer diferente! Talvez não por querer mesmo diferenciar, e sim porque a internet não está cooperando. Mas me propus a fazer o post no bloco de notas. Como fazia antes de ter um blog. Talvez também não tenha tido esta ideia à toa. É! Eu tive essa ideia por estar sentindo um vazio em mim muito grande e não sei o motivo.


Sabe os dias estão bastante corridos, e eu gosto quando ficam assim. Só que hoje não foi tão corrido assim! Na verdade não foi nada corrido. Tirei o dia para descansar, posso até ter descansado o corpo, mas a mente não parou um só segundo. Hoje me perguntei se a vida que tenho hoje era a que eu queria realmente levar... A resposta? Acho que a mesma de qualquer pessoa que passa a se pergunta isso. Tenho minhas insatisfações com algumas coisas de minha rotina, mas não sei se era a que eu queria pois nunca vivi outra. Ou se já vivi, não me recordo, de acordo com algumas doutrinas, então a resposta fica a mesma.

Talvez eu quisesse ter mais amigos, ir a mais baladas ou queria ficar mais em casa. Ou será que eu queria começar a trabalhar antes de ir pra faculdade, e viver um pouco mais perigosamente? Talvez eu não quisesse nunca ter namorado na vida, mas sim ter vários casinhos e dar mais uma pitada de adrenalina. Talvez eu já estivesse me mudando, ao completar meus 18 para experimentar de uma liberdade de verdade.

Como seria essa Luna? Esta nova Luna? Uma Luna que arrisque mais, uma Luna que talvez viva mais. Uma Luna que não tem receios, uma Luna que corre os ricos, uma Luna que pensasse primeiro no que ela mesma quer e não no que os outros pensam. Que fosse mais egoísta, que fizesse as loucuras no calado e pudesse rir à toa quando tiver vontade.

É, não sei bem como seria. Entretanto, a Luna que se faz de doida aqui às vezes sente falta disto. Pois ser a doida mais perfeitinha que já existiu às vezes cansa. Porque a vida é ÚNICA! E ficar pensando no futuro se perde muito do presente. Um punhado de loucura na vida faz uma emoção única e como nós dizemos muito produz histórias para contar para os netos, gerando a satisfação de ter feito o que queria quando deu, e de ter chegado até lá sendo bastante feliz!

10 comentários:

Valdeir Almeida disse...

Luna,

Às vezes, me faço perguntas do tipo: "Se eu não passasse por aqui, não conheceria meus queridos amigos que tenho hoje".

Creio que, de qualquer forma, sempre caminharemos para ter algo positivo em nossas vidas.

Quanto ao fato de ser "doida". Creio que os normais são as pessoas mais infelizes que existem.

Beijos, boa semana e apareça lá no meu blog, ok?

Desabafando disse...

Nossa...incrível como sou parecida com vc nesse sentido...vivo me fazendo as mesmas perguntas: será que estou perdendo alguma coisa? será que deveria ter sido mais louca? mais irresponsável? feito tudo que tivesse me passado pela cabeça? Aí eu paro pra analisar e chego a conclusão que eu não saberia ser de outra forma, que há razões fortees pra eu ser como eu sou e que sou feliz assim. Meu jeito de ser e de levar a vida me satisfaz ainda que ninguém me entenda. Acho que com o tempo vc vai perceber que não está perdendo nada por não ser e fazer certas coisas como a maioria.

Juliano disse...

Acho que a gente nunca vais conseguir viver os dois lados da moeda, a gente sempre tem tais indagações, garanto que quem tem uma vida diferente da sua, deve estar se perguntando como seria a vida de tal, se fosse como a sua. Mas essas decisões somente nós mesmos podemos tomar.

E dale Fluzão Luna.! \o/

Beijooooos

Silvana Nunes .'. disse...

Navegando sem ruma com a intenção de divulgar o meu blog, cheguei até você e gostei do que vi, tanto que pretendo voltar mais vezes. No momento estou impedida de fazer leituras muito extensas, pois a claridade da tela do computador está prejudicando um pouco a minha visão, devo tomar cuidado. Em breve resolverei esse problema. Bem, já que estou aqui aproveito para convidar a conhecer FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... em http://www.silnunesprof.blogspot.com
Eu como professora e pesquisadora acredito num mundo melhor através do exercício da leitura e enauqnto eu existir, vou lutar para que os meus ideiais não se percam.
Se gostar da minha proposta, siga-me.
Por hoje fico por aqui, Espero nos tornarmos bons amigos.
Que a PAZ e o BEM te acompanhem sempre.
Saudações Florestais !

Joy disse...

Tem selo/meme pra ti!


beijos
(ops. desculpe a ausência)

O Profeta disse...

Não sei quem vence!
Não sei quem leva a melhor
Só sei que um sorriso teu
Fez desabrochar das pedra uma flor

Com ela teci um tapete
Engalanei a sombra dos teus passos
Escrevi um derradeiro pedido numa pétala
Rogando a infinita ternura dos teus abraços



Doce beijo

CooKie disse...

nooossa eu gostei mt
tipo faz mt sentindo mesmo...

Sandra disse...

Vim agradecer a sua visita no blog.
Como é bom quando recebemos novas amizades.
Fico feliz que passou por lá.

VIM PARA...
RETRIBUIR A SUA VISITA E APROVEITANDO QUE A DOR DE CABEÇA DEU UMA TRÉGUA.
ACREDITO QUE FORAM OS REMÉDIOS MUITO FORTES.
SUA COMPANHIA É UMA ALEGRIA IMENSA.
COMO É BOM TER VC. NO BLOG.
AS AMIZADES VERDADEIRAS SÃO ÁRVORES DE RAIZES PROFUNDAS.
MUITO OBRIGADO, PELO CARINHO E VISITA. VOCÊ É O MEU BÁLSAMO. MEU REMÉDIO.AO ABRIR ESTE BLOG E VER PESSOAS QUERIDAS, ASSIM COMO VC. ME VISITANDO E DEIXANDO LINDAS MENSAGENS DE OTIMISMO, ALEGRIA, PAZ E SAÚDE, NOS FAZ SENTIR AINDA MELHOR, APÓS UM DIA DE DOR...
AMO VC. QUE PASSA NO BLOG.
NOSSA AMIZADE É UMA ALIANÇA, FEITA DO METAL MAIS PRECIOSO: O AMOR, A SINCERIDADE.
É UM GRANDE PRAZER RECEBÊ-LO NESTA CASA.
AQUI, JAMAIS SEREMOS ESQUECIDOS.
COMO DIZ FERNANDO PESSOA:" TUDO VALE A PENA SE A ALMA NÃO É PEQUENA".
SEU CARINHO NÃO TEM PREÇO.
VOCÊ É O MEU BRILHANTE.
MUITO OBRIGADO, PELAS ENERGIAS POSITIVAS.
COM CARINHO
SANDRA

paaathy ;D disse...

Quando eu quase não entrei na faculdade fiquei por pouco, ficava me questionando sobre isso, será que eu escolhi o certo? Então não era mesmo por auqi que eu devia ter vindo?
Mas aí quando acabei entrando na terceira chamada, e veio todo aquele alívio nem me lembrava mais dessas perguntas. E hoje eu tenho certeza que não, nunca é por acaso, o meu curso nunca tem 3ª chamada e dessa vez teve e eu conheci pessoas, vivi emoções, loucuras, descobri uma coragem que tinha em mim que desconhecia.
Muitas vezes a gente se questiona mesmo, dos caminhos que seguimos, das escolhas que fazemos mas acho que o mais importantes mesmo é saber ver a situação por todos os lados e viver.
'sei lá
tem tanta coisa que a gente não diz
e se pergunta se anda feliz
com o rumo que a vida tomou, no trabalho e no amor
se a gente é dono do proprio nariz
ou espelho é que se transformou'

Flávia Diniz. disse...

Legal esse texto.

Beijos, linda ;*